Materiais gratuitos

Melhores práticas para vender na Black Friday e fidelizar clientes

Saiba quais são as melhores práticas que a sua empresa deve adotar na Black Friday para conseguir vender muito sem perder de foco a fidelização de clientes.

Prepare-seu-e-commerce-para-a-Black-Friday
Tempo de leitura: 4 minutos

A Black Friday é uma data do comércio norte americano que já se tornou tradicional também no Brasil e é muito esperada pelos consumidores. Quanto a sua empresa está esperando vender na Black Friday? Quer saber como fazer isso e ainda aproveitar para fidelizar clientes? Confira!

A origem da Black Friday

A origem dessa data tem várias versões, algumas relacionadas aos tempos de crise da bolsa americana. Uma outra versão fala da relação financeira do termo em inglês “went into the black” , que se refere aos valores financeiros de uma empresa que eram registrados em vermelho quando estavam no negativo e em preto quando passavam para o saldo positivo. 

Então, o dia da Black Friday no varejo americano era o período do ano em que os comerciantes cobririam todas as despesas do seu negócio, atingindo o ponto do equilíbrio no ano e começariam a lucrar.

Hoje em dia, ela já é data fixa no calendário (na última sexta feira de novembro) e esperada pelos clientes de todos os tipos de empresa. Não é mais só o varejo que aproveita a data, mas também empresas de serviço.

Veja o que a sua marca pode fazer para se preparar para essa data:

Melhores práticas para a Black Friday para quem quer vender mais sem deixar de fidelizar clientes

Pense na fidelização e não só nas promoções 

Primeiro, é importante lembrar que no Brasil essa data já ganhou uma conotação negativa por algumas empresas aumentarem os preços de seus produtos semanas antes e então, na data da Black Friday, oferecer promoções que não são reais. 

Só que os clientes estão cada vez mais atentos ao que consomem. Por isso, fazer esse tipo de prática não só atrai um público que talvez não seja o certo para sua empresa, como também afasta os clientes certos, que perdem a confiança na sua empresa. 

Melhores-práticas-para-vender-na-Black-Friday-fidelizando-clientes

Prepare seu estoque para selecionar liquidações

Existem dois tipos de produtos em seu estoque que são os mais interessantes para a Black Friday: os que estão acumulados e seria uma boa oportunidade de liquidação e aqueles que são novos e precisam de um incentivo para adesão do público, que muitas vezes pode ter resistência a testar algo novo.

Os produtos de maior venda nem sempre precisam estar na liquidação, isso vai depender da sua margem de lucro, posicionamento de marca (já que existem marcas que não tem interesse em trabalhar muito com o público que espera por descontos) e quantidade em estoque.

Lembrando que já falamos sobre gestão de estoque aqui no blog, e que você pode baixar grátis a sua planilha de controle de estoque

download-de-planilha-controle-de-estoque

Calcule o quanto você pode oferecer de desconto 

Existem diferentes tipos de promoção que podem ser oferecidas ao seu consumidor na Black Friday, nem sempre precisa ser um desconto direto no valor do produto, podem ser um frete grátis, compra combinada de produtos ou desconto progressivo.

Clique aqui para saber como calcular o preço promocional ideal e continuar com lucro.

Pense nas oportunidades

Você pode aproveitar a data para atrair novos clientes, pois está reduzindo o risco dele na compra. Se você vende um serviço, pode oferecer um teste promocional por tempo determinado e aumentar o conhecimento de marca, fazendo eventos ou mesmo investindo em publicidade paga.

Se o posicionamento da sua marca não é direcionado para descontos, pense em criar uma experiência com ela ou mesmo fazer uma boa ação, usando a data para destinar o lucro para alguma instituição de caridade.

Foco na fidelização!

Uma ideia é oferecer um acesso VIP para clientes que compram sempre com você para que eles tenham acesso às promoções antes dos outros, ou mais tempo para comprar. 

Uma boa gestão de clientes vai ajudar a definir essas réguas para saber quem são os mais fiéis à sua marca. Deixe claro que eles estão recebendo um benefício por ter uma boa frequência de compra com você.

Prepare sua equipe de vendas para vender na Black Friday

Os ânimos dos consumidores costumam ficar exaltados com tantas ofertas e promoções de tempo limitado, por isso, não é comum acontecer reclamações de atendimento, então prepare a sua equipe para lidar com as adversidades.

Se os seus vendedores tiverem confiança na sua empresa para garantir o bem estar deles, eles saberão como trabalhar bem para garantir o sucesso do seu cliente. 

Pense na divulgação dos seus produtos 

A competição das marcas aumenta não somente nos preços como também no espaço para publicidade. Mesmo assim, como os clientes estão pesquisando muito sobre as marcas nessa época, vale a pena separar um orçamento para divulgar suas ofertas.

Também fique de olho em outras datas comemorativas que podem ser aproveitadas pelo comércio.

Prepare sua loja virtual para as visitas de Black Friday

O volume de visitas ao seu site nesta data pode aumentar bastante o que pode afetar a navegação e experiência do seu cliente por isso verifique a velocidade de carregamento do seu site.

Essa velocidade é ainda mais relevante em dias de promoção, mas ela sempre é um fator importante que o Google usa para ranquear o seu site nas listas de pesquisa. Você pode medir a sua velocidade com a ferramenta do próprio Google, o Pagespeed Insights.

Revise suas políticas de entrega e troca

É possível que pelo volume de compras durante a Black Friday as entregas tenham seus prazos comprometidos. Verifique as suas políticas na loja virtual para não frustrar seu cliente em relação aos prazos e possibilidade de troca.

Esteja sempre atento ao código do consumidor para evitar conflitos. Um cliente que fala mal da sua empresa costuma espalhar a opinião para mais pessoas do que um cliente que fala bem. 

Ofereça mais meios de pagamento

Todo mundo quer comprar, mas pode ser que nem todo mundo tenha dinheiro na hora para fazer o pagamento. 

Uma opção para isso é o cartão de crédito. Veja quais as vantagens de oferecer esse meio de pagamento.

Não tem maquininha e quer fazer vendas no cartão de crédito?

Use links de pagamento e venda pelas redes sociais ou integre seu site com uma plataforma de pagamento.  😉

Continue acompanhando nosso Blog para mais dicas que vão ajudar o seu e-commerce!