Tecnologia

Quanto custa o Pix?

Depois de tanto ouvir falar no Pix e em todas as vantagens que o novo sistema de pagamentos instantâneos Banco Central oferece, a grande questão é quanto vão custar as operações realizadas com ele. Você fica sabendo agora no artigo a seguir!

Pix imagem descritiva
Tempo de leitura: 4 minutos

Para escutar este conteúdo na íntegra, você só precisa dar o play! 😉

A menos de um mês da data em que finalmente o Pix, o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central entra oficialmente em operação, pessoas físicas e jurídicas começam visualizar a mudança que essa novidade vai causar no mercado de pagamentos do Brasil.  

A partir do dia 16 de novembro de 2020, a dinâmica dos meios de pagamento brasileiros vai ganhar uma velocidade diferente, o que muda o jogo tanto para quem compra quanto para quem vende e o grande responsável por essa mudança toda é o Pix do Bacen. A partir dele, as transações bancárias passam acontecer 24 horas por dia, todos os dias da semana e do ano, o que inclui finais de semana e feriados. 

Outra grande vantagem que o novo sistema vai proporcionar é que as operações bancárias vão acontecer em até dez segundos. Daí a origem do seu nome: instantâneo! E como se isso não fosse o suficiente para sacudir as estruturas da forma como os pagamentos são realizados no Brasil atualmente, as transações realizadas pelo Pix vão custar menos do que custam hoje para os usuários

A ansiedade boa pelo novo meio sistema de pagamentos tem contagiado tanto pessoas físicas quanto jurídicas, mas a pergunta que não quer calar é: quanto o Pix vai custar, afinal? 

Com tantas vantagens, a novidade ainda oferece um preço competitivo no mercado de pagamentos. Se tem uma coisa que aqui na Juno a gente não gosta de fazer é deixar você esperando. Neste artigo, você fica sabendo não apenas exatamente quanto o Pix vai custar, mas como isso vai afetar o mercado financeiro como um todo. Vem com a gente!

Pix imagem descritiva

Quanto o Pix vai custar na Juno?

O Pix é, de fato, tudo isso e mais um pouco! Além de toda a velocidade e disponibilidade, as taxas do Pix para quem vende, vão ser consideravelmente mais baixas. Se você estava acostumado a vender por boleto ou a receber por transferências como TED e DOC, prepare-se para aumentar a sua margem de lucro!

Confira, na tabela abaixo, os valores do Pix na Juno:


Pessoa FísicaCNPJ individual (MEI, EI, EIRELI etc)CNPJ comum (LTDA, SA etc)
Pagamento por QR estático ou dinâmicoSem custoSem custoSem Custo
Transferir por inserção manual ou Chave PixSem custoSem custoR$ 1,50
Receber via QR estáticoSem custoSem custoSem custo
Boleto Pix (QR dinâmico)R$ 2,90R$ 2,90R$ 2,90
Emissão de cobrança via QR dinâmicoR$ 1,50R$ 1,50R$ 1,50
Pix imagem descritiva

O mercado financeiro antes do Pix

Agora que entendemos como vai ficar o cenário a partir da chegada do Pix do Bacen, também é importante conhecermos como o mercado de pagamentos funciona atualmente.

Até o momento, as transferências entre contas bancárias sempre foram feitas por meio de TEDs e DOCs. E os pagamentos de contas eram realizados apenas via boleto bancário, cartões, transações físicas e online ou até mesmo com dinheiro vivo.

Porém, a chegada do Pix altera significativamente este cenário. Preparamos um resumo desse ecossistema de pagamentos no quadro abaixo. Assim, você pode ver as diferenças com bastante clareza. 


PIXTEDDOC Cartão de débitoCartão de crédito
CompensaçãoImediataAté 30min01 dia útila partir de 1 dia útilEm 2, 14 ou 31 dias úteis
FuncionamentoTodos os dias, a qualquer hora6h30 às 17h em dias úteis0h até 21h30Todos os dias, a qualquer horaTodos os dias, a qualquer hora
Chave PixSimNãoNãoNãoNão
É reversível?Todas as transações confirmadas são finaisNãoDentro da janela de liquidaçãoNãoSim (processo de chargeback)
Quanto custa?Veja a tabela acimade R$ 8 a R$ 16de R$ 5 a R$ 15em média 3%em média 3,6%

O que é preciso para usar o Pix no meu negócio?

Toda a operação do Pix vai acontecer direto no seu smartphone, de onde você estiver, inclusive a criação e gerenciamento das Chaves Pix!

E você já tem acesso a um ambiente especial dedicado ao novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central no App Juno. Ainda não baixou nosso app? Ele é gratuito, sem mensalidade e está disponível nas versões Android e iOS!

Leia também: App Juno: saiba tudo que o nosso aplicativo pode fazer pelo seu negócio

Você precisa criar pelo menos uma chave para poder emitir cobranças pelo novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. Preparamos um vídeo para explicar como cadastrar a sua primeira Chave Pix com a Juno, é só dar o play para conferir:

As Chaves Pix são a nova forma de identificar endereços bancários. Por meio dessas chaves, o Bacen reconhece sua conta no banco e valida suas transações bancárias.

Leia também: Tudo sobre as Chaves Pix

Mas o que são essas chaves e como isso funciona? São dados como telefone, e-mail ou CPF/CNPJ, que ficam vinculados aos seus dados bancários. Tudo isso fica registrado no DICT (Diretório de Contas Transacionais).

As transações via Pix acontecem por meio de QR Codes Estáticos e Dinâmicos:

QR Code estático 

Esse tipo de QR Code pode ser utilizado em mais de uma transação, isso significa que pode estar impresso no PDV (Ponto de Venda), ser utilizado para dividir o valor de uma pizza entre amigos. Em outras palavras, ele é o tipo de código ideal para compartilhar, com segurança, dados bancários para realizar transferências. 

QR Code dinâmico 

O QR Code dinâmico, por sua vez, desempenha a função de uma cobrança mais formal, de um modo geral associada a um boleto. É o tipo de código que vai ser muito utilizado para realizar pagamentos ou cobranças em e-commerces, por exemplo. 

Leia também: Pix: QR Code Estático X QR Code Dinâmico

O Pix também oferece a possibilidade de inserir informações manuais para direcionar um pagamento, utilizando as mesmas chaves registradas no DICT – e-mail, CPF/CNPJ ou telefone – para determinar o destinatário de uma transação.

Outra opção é a Chave Aleatória, que é o endereço virtual de pagamento, e é uma forma de manter a privacidade do cliente no uso do QR Code estático. Ele funciona a partir de um número hexadecimal com 32 caracteres, e é gerado de forma aleatória e exclusiva pelo DICT.

Quer saber como usar o Pix no seu negócio?

Preencha o formulário abaixo e a nossa equipe entrará em contato!

Quer continuar essa conversa? Fale com a gente pelas nossas redes sociais @tamojuno 🤟