PMEs

Entenda a força dos provedores de internet regionais no ecossistema tecnológico do Brasil

O mercado de provedores de internet regionais é um dos que mais cresce no Brasil, encerrando os últimos anos com resultados positivos. A representatividade dos pequenos e médios ISPs é fundamental para a revolução digital no Brasil, considerando o aumento da conectividade de milhares de brasileiros todos os anos. Vem com a gente conferir os cenários dessa expansão e os fatores principais para o crescimento saudável do seu provedor de internet. ?

provedores de internet regionais
Tempo de leitura: 4 minutos

O mercado de provedores de internet regionais é um dos que mais cresce no Brasil. Com uma conexão banda larga de qualidade similar ou superior às grandes companhias de telecomunicação e um atendimento focado no sucesso do cliente, os pequenos provedores possuem uma vantagem competitiva alta, o que justifica mais de 31% dos usuários de banda larga no país optarem por provedores regionais, de acordo com a pesquisa feita pela Teleco em setembro de 2019.

O segmento é líder de operação, principalmente em cidades onde companhias consolidadas no mercado não atuam, como zonas rurais ou afastadas da região central. Outro fator importante para a expansão do mercado é a simplificação dos processos de liberação de licenças e as exigências de contrapartidas para prestação deste serviço concedidas pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), responsável pela regulação e fiscalização do setor.

É interessante analisar a expansão dos provedores locais em regiões dominadas por grandes operadoras de internet, como Sudeste, Sul e Centro-Oeste. Só na região Sudeste, que possui a maior concentração de acessos à banda larga no Brasil, os provedores regionais foram responsáveis por 83% do total de novos usuários com acesso à internet.

O sucesso do cliente como método de crescimento

O setor de telecomunicações tradicional é um dos que mais recebe críticas em relação ao atendimento ao cliente. A baixa qualidade do acesso à internet, a falta de suporte técnico e a burocracia para cancelar ou alterar o plano contratado são os principais motivos de insatisfação dos consumidores.

Diante desse cenário, os pequenos e médios provedores identificaram a oportunidade de se destacar através do atendimento, garantindo menor tempo de espera para resolução de problemas, banda larga de qualidade e suporte técnico de acordo com a necessidade do cliente.

Esse movimento justifica a migração dos usuários de empresas de telecomunicação consolidadas no mercado para provedores locais, onde recebem um atendimento mais humanizado e usufruem de um serviço de qualidade.

Leia também: 5 dicas para profissionalizar o seu provedor de internet

Investimento em tecnologia

A quantidade de dados encaminhados pela internet todos os dias e o aumento na criação e compartilhamento de conteúdo crescem exponencialmente todos os meses. Ao encarar o cenário da revolução digital, o investimento em tecnologia de ponta é prioridade para os provedores de internet, a fim de oferecer uma transmissão de qualidade para os usuários.

A fibra ótica, por exemplo, é uma tecnologia capaz de atender a transmissão à longa distância, com melhor capacidade de dados e capaz de oferecer privacidade do sinal ao cliente.

O acesso à internet por fibra ótica disparou nos últimos anos, tornando-se o método favorito de conexão dos brasileiros. Isso fez com que os provedores começassem a investir em tecnologia para se destacar dos seus concorrentes, entregando inovação e qualidade para seus clientes. 

Os próximos desafios do segmento, visando melhorar a qualidade do serviço prestado, são investir em novas tecnologias de amplificadores de sinal e estruturar redes que atendam às necessidades de cibersegurança e privacidade do usuário.

provedores de internet regionais

Expansão do mercado de provedores de internet

Apesar do crescimento considerável dos ISPs nos últimos anos, ainda há alta demanda de acessibilidade digital no país, principalmente nas pequenas cidades. Considerando a realidade de conectividade dos brasileiros, ainda há muito território a ser explorado pelos provedores regionais, que terão muitas oportunidades de negócio pela frente.

São dois cenários que favorecem a expansão dos provedores locais: 

  1. Clientes insatisfeitos com o serviço ofertado pelas grandes operadoras, por inúmeros fatores, como a baixa qualidade de conexão e o atendimento insatisfatório;
  2. Potenciais clientes que residem em regiões onde não há empresas que ofereçam acesso à internet.

Com base nesses fatores, a previsão de crescimento do mercado de ISPs é de 25% a 30% em 2020, de acordo com Basílio Perez, conselheiro da Abrint.

Outro fator a ser considerado é o aumento da procura por serviços de internet nas residências, devido ao aumento do trabalho remoto por conta da pandemia do Covid-19. 

Antes da pandemia, nem todas as pessoas optavam por contratar um plano de internet, por passarem pouco tempo em casa ou não utilizarem a internet no seu dia a dia depois do trabalho. Com a quantidade de empresas operando através do trabalho remoto, a procura por provedores de internet aumentou de maneira significativa, causando um impacto positivo no mercado.

Embora seja um cenário provisório, é interessante acompanhar o crescimento de demanda por conectividade relacionada ao home office, que pode ser adotado como modelo ideal por muitas empresas futuramente.

Leia também: 6 dicas para modernizar a gestão de provedores de internet

Como acompanhar a expansão do mercado de provedores?

Para surfar na onda do crescimento do segmento de provedores regionais e ocupar um espaço cada vez maior no mercado de ISPs, é necessário profissionalizar seu provedor de internet e ter uma gestão empresarial robusta, pensando estrategicamente no crescimento saudável das suas operações.

Ficar de olho nas tendências, analisar o que seus concorrentes têm feito e alinhar as expectativas da empresa são os primeiros passos para definir uma estratégia de expansão. 

Aspectos essenciais de gestão financeira, como fluxo de caixa e planejamento de investimento também são importantes para decidir o futuro da sua empresa de telecomunicações. Para isso, você pode contar com um sistema de gestão, como um ERP, para centralizar suas cobranças, acompanhar sua carteira de clientes e organizar a parte administrativa e financeira do seu provedor de internet.

Leia também: Sistema de gestão: o que é e como pode ajudar sua empresa

Explorando os aspectos que apontamos neste artigo, é possível entender a importância dos provedores de internet regionais e o impacto da atuação deles no ecossistema tecnológico brasileiro.

Você concorda com os temos que abordamos? Conhece alguma técnica fundamental para expandir os ISPs no Brasil? Conta pra gente nos comentários! ?