E-commerce

Como escolher a melhor plataforma de pagamento para o seu e-commerce

Quer escolher a melhor plataforma de pagamento para o seu e-commerce? Confira quais são as funcionalidades que você deve avaliar!

Plataforma de pagamento imagem descritiva
Tempo de leitura: 4 minutos

Ainda que completar uma venda seja um dos maiores objetivos de qualquer negócio, para o e-commerce pode ser um verdadeiro ponto de tensão, pois é exatamente quando muitos clientes em potencial abandonam o carrinho e acabam desistindo da compra.

Uma boa estratégia para aumentar a conversão de vendas da sua loja virtual está na escolha da plataforma de pagamentos. Confira nossas dicas para facilitar essa escolha para o seu e-commerce!

O que é um gateway de pagamentos?

Um gateway de pagamentos faz a conexão entre a sua loja virtual e os sistemas dos meios de pagamento. Isso significa que o lojista estabelece contato junto com as adquirentes de cartões e bancos, enquanto o gateway faz a comunicação entre seu e-commerce e os sistemas bancários.

Dessa forma, os pagamentos efetuados pelos clientes da sua loja virtual são transferidos diretamente para a sua conta.

Para usar um gateway é necessário fazer um contrato com cada bandeira de cartão, o que pode tomar muito tempo da sua gestão, a não ser que esse gateway já esteja integrado com um intermediador de pagamentos.

O que é um intermediador de pagamentos?

A Juno é uma intermediadora que tem entre seus produtos um gateway de pagamento para e-commerces. A integração é feita por meio de um plugin.

O Juno para WooCommerce é nosso plugin desenvolvido para WordPress com soluções completas para o seu e-commerce receber pagamentos por cartão de crédito e boleto bancário!

Esses plugins também permitem integração por meio de API ou Plugins com intermediadoras de pagamentos, como a Juno

A maior vantagem de um intermediador de pagamentos é que ele faz todos os contratos e negociações com os bancos para que você não precise lidar com toda essa burocracia. Sem precisar lidar com processos burocráticos, você consegue oferecer ao seu cliente mais meios de pagamento.

Leia também: O que é um intermediador de pagamentos?

O que são meios de pagamento?

Os meios de pagamento são a forma como o seu cliente vai pagar pelo seu produto. As mais comuns são dinheiro, boleto bancário, cartão de crédito e transferência bancária.

Leia também: Pagamento com cartão de crédito: qual a vantagem?

Oferecer mais meios de pagamento para o seu cliente é uma boa estratégia para diminuir o abandono de carrinho e aumentar a conversão de vendas do seu e-commerce.

Quais são melhores os meios de pagamento para o e-commerce?

Uma pesquisa feita pelo site e-commerce.org.br, mostrou que o cartão de crédito é o meio de pagamento preferido para compras online, com mais de 70% do número total de compras. O boleto bancário vem em segundo lugar, com 12% da preferência.

Esses dois meios de pagamento têm taxas diferentes – para uma empresa, o boleto bancário costuma ser a opção mais vantajosa, mas é o cliente que manda! Uma maneira de incentivar as compras por boleto é incluir um desconto especial para pagamentos até a data de vencimento.

O que é preciso saber para escolher a melhor plataforma de pagamentos para o seu e-commerce

Para acertar na hora de escolher a melhor plataforma de pagamento para o seu e-commerce, confira o nosso checklist:

Quais são os meios de pagamento que a plataforma oferece?

Oferecer várias opções de pagamento é importante para que seu cliente não desista da compra, mas cuidado para não disponibilizar uma lista interminável de métodos, o que pode acabar deixando o consumidor perdido com a experiência de compra do seu e-commerce. 

Como é o checkout dessa solução?

Existem duas opções de checkout que você pode oferecer para o seu cliente:

  • Checkout da plataforma de pagamento: nessa opção, o cliente vai ser direcionado para fora do seu site para utilizar o checkout da plataforma de pagamentos. A vantagem é que a marca da plataforma pode passar mais segurança para o seu consumidor, mas a desvantagem é que ele vai ter que sair do site da sua loja, o que quebrar sua experiência de compra. 
  • Checkout transparente: também conhecido como solução white label, esse tipo de checkout além de não tirar o cliente do seu site, é personalizado com sua marca. Isso significa que o consumidor não tem contato com a empresa que está fazendo todo o processamento do pagamento. A vantagem é que ele não precisa quebrar a experiência de compra dentro da sua loja, finalizando o pagamento mais rapidamente.

Leia também: O que são white labels e como elas podem ajudar você no seu negócio?

A plataforma conta com split de pagamento ou comissionamento automático?

Pode ser que seu modelo de loja virtual inclua o comissionamento de outros vendedores que promovam o seu produto. Nesse caso, se a plataforma de pagamentos já incluir a divisão programada do valor da compra, você vai economizar tempo de processamento do seu departamento financeiro. 

É possível programar cobranças recorrentes?

A recorrência de pagamentos ou modelo de assinatura tem se tornando uma alternativa popular para fidelizar clientes entre os e-commerce.

Há quem pense que apenas sites que vendem produtos online, como um software, podem usar esse modelo, em que você consegue enviar mensalidades para o seu cliente. No entanto, lojas virtuais já estão vendo uma oportunidade nisso, como é caso de clubes de assinatura.

Existe a função de compra com um clique?

Essa função pode ser ativada para salvar os dados de compra do cliente para aquisições futuras, agilizando o processo quando ele voltar a comprar na sua loja. Vale a lembrar que a segurança da plataforma de pagamentos é muito importante para que esses dados dos clientes estejam protegidos. 

É seguro usar essa plataforma de pagamento para o seu e-commerce? 

Falando em segurança, com o crescimento das compras virtuais também aumenta o número de fraudes online. Certifique-se que a sua empresa e seu cliente estejam protegidos.

A Juno conta com um time de Risco e Compliance dedicado a garantir a segurança dos seus pagamentos, com a ajuda de um algoritmo que detecta possíveis fraudes. Nossa proteção tem o padrão internacional de segurança OAuth junto a Amazon, compatível com os mais altos padrões de PCI do mercado.

O que acontece se você sofrer um chargeback?

O chargeback ocorre quando um cliente pede seu dinheiro de volta depois de ter concluído a compra, e a legislação brasileira protege esse direito do consumidor. 

A primeira etapa para se proteger do chargeback é justamente contar com a avaliação de risco e fraudes, que já detecta transações maliciosas no começo da compra, o que pode acontecer em casos de cartão clonado.

Se mesmo assim acontecer um chargeback com você quando o produto já foi entregue, é possível entrar com um processo para reverter a situação.

Algumas empresas oferecem suporte para contestação de chargeback, como é o caso da Juno: fazemos esse processo junto da adquirente para que você não precise se preocupar com essa burocracia.

Como é o suporte do time de atendimento?

A tecnologia, por melhor que possa ser, está sujeita a falhas. É nesses momentos que você vai precisar contar com um equipe de suporte da plataforma de pagamentos.

Conte com a Juno para fazer a gestão dos pagamentos do seu e-commerce e converta mais vendas!

Agora que você já sabe a melhor forma de escolher uma plataforma de pagamento para o seu e-commerce, ficou com alguma dúvida? Deixa um comentário pra gente 😉