O que é antecipação de recebíveis e como ela afeta o seu fluxo de caixa?

Foto de Tatiana Michaud
Por Tatiana Michaud
6 min de leitura
06/08/2020

Períodos de complicação financeira podem acontecer em negócios de todos os tipos e cobrir as despesas essenciais é uma questão de sobrevivência de mercado. A antecipação de recebíveis é uma solução temporária para a falta de capital de giro. Entenda como esse recurso funciona e de que forma ele afeta seu fluxo de caixa!

Para escutar este conteúdo na íntegra, você só precisa dar o play! 😉

Manter a organização financeira de uma empresa não é tarefa fácil, mas é um dos pilares para que o negócio não apenas sobreviva, mas mantenha um crescimento sustentável a curto, médio e longo prazo. A gestão financeira é o que norteia boa parte das ações empresariais e também define metas e objetivos. 

No entanto, em alguns momentos da trajetória de um negócio, ainda que haja planejamento, pode ser que falte capital de giro. Uma das estratégias que ajudam a solucionar esse problema de forma mais imediata é a antecipação de recebíveis, que é uma alternativa para pagar contas da empresa a curto prazo.

Mas vale lembrar que assim como em todo recurso financeiro, a antecipação exige gestão e planejamento para não prejudicar o negócio, pois esse tipo de operação tem uma ligação direta com o fluxo de caixa da empresa

Isso quer dizer que para entrar com esse recurso, é necessário contar com uma série de informações financeiras sobre o seu negócio, além de entender as condições determinadas pela instituição financeira escolhida para que as contas futuras não fiquem no vermelho.

Neste artigo, explicamos o que é fluxo de caixa, como funciona a antecipação de recebíveis e de que forma esses dois conceitos se relacionam no seu negócio. Confira!

O que é o fluxo de caixa?

Para um negócio, fluxo de caixa é a movimentação de entradas e saídas de dinheiro do caixa, ou seja, todos os pagamentos e recebimentos realizados pela empresa.

Para manter um bom controle de fluxo de caixa, é preciso contar com registros detalhados de ganhos e gastos. Esses registros permitem estipular uma média de qual será o valor que sua empresa vai receber ou precisa pagar em um determinado período de tempo.

Com esse planejamento bem definido, é possível tomar decisões mais assertivas para o seu negócio, estipular objetivos, renegociar contas ou investir em equipamentos e serviços, sem o receio de não ter caixa para realizar os pagamentos.

Leia também: Como organizar o seu fluxo de caixa?

Antecipação de recebíveis

Qual a importância do fluxo de caixa?

O fluxo de caixa é capaz de demonstrar como anda a saúde financeira de um negócio. A partir dele é possível determinar se a empresa tem autonomia nas finanças, por exemplo, além de ditar o ritmo pelo qual ela deve funcionar em determinado momento, ou seja, se existe a possibilidade de realizar investimentos, expandir o mix de produtos, abrir novas filiais, etc. 

Nesse sentido, manter o fluxo de caixa de um negócio em dia é uma questão de sobrevivência de mercado, além de ser uma forma estratégica de pensar no crescimento sustentável da empresa.

Para manter o fluxo de caixa do seu negócio atualizado, é importante: 

  • Identificar corretamente todos os valores de entrada e saída;
  • Utilizar períodos de controle combinados; 
  • Dar atenção ao ciclo financeiro ou ciclo de caixa; 
  • Cuidar com o índice de inadimplência do negócio;
  • Analisar extratos.

Com os extratos que a Juno disponibiliza, você consegue acompanhar o seu saldo disponível e os valores a receber, direto na plataforma. Assim fica fácil fazer o controle do seu fluxo de caixa.

Entenda o que é antecipação de recebíveis

Contar com dinheiro em caixa antes mesmo de uma cobrança ser efetuada a um cliente parece até um sonho, não é mesmo? Em teoria, é isso que o recurso da antecipação de recebíveis faz, pois permite o recebimento de valores que estavam previstos para entrarem na conta da empresa em uma data futura. 

Mas como isso é possível? Diferente dos tradicionais e arriscados empréstimos, essa operação consiste em receber valores provenientes de vendas parceladas, a prazo, com duplicatas, cheques e carnês, antes mesmo da cobrança ser efetuada.

Esse é uma solução para o eventual problema de falta de capital de giro e é considerada de curto prazo, que serve apenas para cobrir despesas mais emergenciais da empresa, com o objetivo de evitar dívidas maiores para o negócio. Dessa forma, é possível utilizar a antecipação de recebíveis para obter esses valores pagos pelos clientes de uma vez só.

A principal vantagem desse recurso é que o negócio consegue adiantar o recebimento de um dinheiro que já seria destinado a ele. Dentro da antecipação existem juros, no entanto costumam ser mais baixos do que na contratação de um empréstimo. 

Esses custos menores significam que o empreendedor terá menos problemas para repor essas despesas, além de oferecer maior segurança à instituição financeira.

Fluxo de caixa x antecipação de recebíveis

Para que a estratégia de antecipação de recebíveis funcione, é fundamental que ela faça parte do planejamento financeiro do seu negócio, porque por mais que os valores recebidos já sejam, de certa forma, destinados a sua empresa, é um dinheiro que pode fazer falta no futuro.

É o tipo da solução que deve ser utilizada somente em casos mais emergenciais, pois ela vai alterar o fluxo de caixa do seu negócio.

Para empresas que lidam vendas por cartão de crédito, por exemplo, realizar uma operação de antecipação exige ainda mais planejamento por conta dos parcelamentos e cobranças recorrentes. Isso quer dizer que se o seu fluxo de caixa não estiver muito bem detalhado, é possível que você se perca nas finanças do seu negócio e, mesmo com a antecipação, acabe contraindo dívidas difíceis de cobrir no futuro.

Para fazer a antecipação de recebíveis de forma segura, sem que prejudique a saúde financeira do negócio, é preciso fazer uma projeção de caixa para os meses seguintes, para garantir que o antecipado não vai fazer falta no orçamento da empresa. Isso evita que o negócio adquira ainda mais dívidas e aumente o problema de falta de capital de giro. 

Essa projeção de caixa é possível a partir de uma série de informações financeiras sobre o negócio, que permitem uma análise detalhada de como andam as finanças da empresa. Para que o empresário não precise coletar cada um desses dados manualmente, é importante que ele conte com uma ferramenta de gestão financeira completa – como a Juno

A partir dos nossos extratos, que apontam as vendas realizadas e a receber nos próximos meses e relatórios, é possível acompanhar de perto a saúde financeira do seu negócio, além de fazer uma previsão de fluxo de caixa com segurança. 

Garanta o crescimento sustentável do seu negócio com a Juno! 

Quer aumentar as vendas do seu negócio?

Preencha o formulário abaixo e a nossa equipe entrará em contato!

Tipo de negócio
até 5/mês
até R$ 5 mil

Quer continuar essa conversa? Fale com a gente pelas nossas redes sociais @tamojuno ?