Gestão de canais de venda: o que é e como se destacar no marketplace

Foto de Tatiana Michaud
Por Tatiana Michaud
10 min de leitura
14/06/2021

Vender online tem se tornado cada vez mais desafiador, pois o número de lojas online tem crescido muito nos últimos anos. No cenário dos marketplaces, a competitividade é ainda mais acirrada. Mas contar com bons canais de vendas é uma ótima estratégia. Saiba mais!

Ainda que vender muito seja objetivo comum de todo tipo de negócio, a qualidade das vendas e, principalmente, sua constância são fundamentais para o crescimento sustentável de uma empresa. 

Quando o assunto é vender online, os marketplaces não estão para brincadeira, e 2020 foi o ano mais expressivo para o comércio eletrônico brasileiro nos últimos 20 anos. É o que mostra o estudo anual realizado pela Ebit | Nielsen, que aponta que já no primeiro semestre do ano passado, mais de 150 mil lojas online foram criadas.

Esse crescimento mais do que acelerado mostra um cenário muito promissor para quem empreende no mundo digital, mas também deixa claro que o nível de competitividade desse segmento não é nada pequeno. Justamente por esse motivo, é imprescindível se destacar da concorrência na hora de vender. 

Mas para os marketplaces esse desafio é ainda maior, pois muitos deles competem pelo mesmo público, vendendo os mesmos produtos e mesmas marcas. Uma das principais estratégias para sair na frente na hora de converter vendas é a gestão de canais de vendas

Pode ficar tranquilo, neste artigo você fica sabendo o que é a gestão de canais de vendas e como ela pode ajudar a destacar o seu marketplace da concorrência. Vem com a gente!

canais de vendas imagem descritiva

O que são canais de vendas?

De forma muito simples, um canal de vendas é o meio pelo qual um negócio realiza vendas para seus clientes, e podem ser utilizados para vender tanto produtos quanto serviços – em meios online e offline.

A partir de canais bem definidos, o negócio tem a possibilidade de divulgar ofertas direcionadas em cada um deles e atrair prospects em cada um desses meios.

O grande segredo para alcançar o tão sonhado sucesso em vendas, está na escolha de canais de venda no negócio, pois eles precisam conversar muito bem com o seu público-alvo. E o desafio, principalmente para quem vende online, é que cada vez mais existe uma gama maior de canais de vendas, então é preciso definir entre as diversas opções online e offline.

Para que esse processo seja possível, é fundamental entender muito bem a persona do seu público-alvo, que é justamente uma representação fictícia do cliente ideal da sua empresa. O caminho para chegar nessa persona consiste em algumas perguntas principais:

  • O que ela consome? 
  • Por onde prefere fazer suas compras? 
  • Em quais canais ela está presente?

A verdade é que para construir uma persona para o seu negócio, a lista de perguntas é bem mais extensa do que essa, mas como neste artigo o nosso foco é sobre a gestão dos chamados canais de vendas, essas questões são essenciais para o seu objetivo. 

Mas e quais são as particularidades de cada canal de vendas?

Principais canais de vendas online

A importância do canais de vendas online não chega a ser uma novidade no mercado, no entanto, com a mudança no comportamento do consumidor em 2020, provocada principalmente pela pandemia do novo coronavírus, que fez com que o e-commerce brasileiro tivesse um crescimento de 47% já no primeiro semestre do ano, segundo a Ebit | Nielsen.

Foi justamente o isolamento social, recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde) para conter a disseminação do vírus, que fez com que as compras online virassem uma tendência tão grande.

O primeiro passo antes mesmo de definir os canais de venda para o seu negócio, é importante se familiarizar com as mais utilizadas pelo mercado. Confira:

Marketplace

É comum confundir o conceito de marketplace com e-commerce, e ainda que no fim do dia as duas coisas estejam diretamente relacionadas, seus significados são distintos. Diferente das tradicionais lojas virtuais, o modelo de negócio do marketplace é baseado em um sistema de plataforma, no qual diferentes lojas e lojistas podem vender produtos, como em um verdadeiro shopping em ambiente virtual. 

Para vender em um marketplace, os lojistas precisam fazer um cadastro e também registrar suas mercadorias na plataforma, além de pagar uma taxa. Uma das grandes vantagens de vender por meio de uma marketplace é contar uma boa estrutura e divulgação por meio da própria ferramenta.

Quer conhecer mais sobre como funciona o marketplace como um canal de vendas? Confira a edição especial do Juno Explica sobre E-commerce, o webinar do Juno, sobre esse tema:

E-commerce

A palavra é na verdade uma abreviação da expressão originalmente em inglês electronic commerce, que na sua tradução significa o nosso já muito conhecido comércio eletrônico. 

Na prática, esse termo se refere a transações comerciais realizadas em ambientes totalmente online, que podem ser realizadas por meio de computadores, dispositivos móveis (como smartphones e tablets), apps e também pelas lojas online. 
A grande diferença é que em e-commerces, são comercializados produtos de uma única loja. Isso quer dizer que ela funciona como uma loja tradicional, mas pensada inteiramente para o meio digital, o que implica em um site bem elaborado e, principalmente, um checkout muito bem estruturado.

Google Ads

Muito conhecido dos profissionais de Marketing, o Google Ads, além de ser uma poderosa ferramenta de anúncio, também é uma espécie de canal de vendas online. 

O antigo AdWords, para quem já está no mercado há mais tempo, é uma ótima forma de impulsionar as vendas de produtos e serviços. A partir dele é disponibilizar os produtos e serviços da sua marca de forma mais assertiva para um público maior e mais qualificado.

E-mail Marketing

Outro canal de vendas online que tem ganhado espaço é o e-mail marketing. Quando utilizado a partir de uma boa segmentação de leads, ou seja, de possíveis contatos interessados e interessantes para o seu negócio, é possível criar uma base para o disparo de e-mails com conteúdos bem estruturados, que levem ao fechamento de vendas.

Programas de afiliados

O programa de afiliados é uma modalidade de vendas dentro do marketing, que pode ser prestada tanto por uma pessoa quanto por uma empresa, ao disponibilizar espaços de divulgação na internet. 

De forma simplificada, o mercado de afiliados funciona como uma forma de monetização das vendas por meio de indicação. Em um sistema como esse, todo mundo sai ganhando, pois existe uma parceria entre criadores de conteúdo, blogueiros e editores, por exemplo, junto às marcas. 

A remuneração dos chamados afiliados funciona a partir da criação de links que direcionam o público às recomendações dos criadores de conteúdo. Tanto a empresa que oferece os produtos e serviços disponíveis nos links de indicação quanto os indicadores lucram com essa estratégia.


Confira nosso

Gestão de Canais de Vendas

Principais estratégias para aumentar as vendas em lojas virtuais

Desenvolva uma estratégia omnichannel

O conceito de omnichannel surgiu do novo perfil de comportamento do consumidor, que busca muito mais do que uma compra na hora de escolher produtos ou serviços de uma loja, ele busca uma experiência. Isso significa que é preciso desenvolver um relacionamento mais estreito e assertivo com clientes e prospects nesse cenário.

Para ganhar destaque um e-commerce deve ser omnichannel. Essa estratégia significa a integração entre diferentes pontos de contato junto ao consumidor. Seu principal objetivo é garantir uma melhor experiência de compra, além de criar e desenvolver um relacionamento mais estreito com clientes e prospects

Na prática, isso significa integrar loja física e virtual em todos os aspectos:

  • Ferramentas tecnológicas;
  • Estratégias de marketing;
  • Treinamento dos funcionários.

Analise o comportamento do seu público-alvo

Negócios já consolidados no mercado, contam com seu público-alvo bem definido e suas estratégias são voltadas para atender às principais necessidades comerciais e demandas desses consumidores.

No entanto, o comportamento dos consumidores pode se transformar ao longo do tempo, por uma série de fatores. Por esse motivo, é fundamental acompanhar  constantemente o público-alvo da sua loja virtual, pois é possível que seus clientes priorizem determinado tipo de produto ou serviço. 

Dessa forma, é possível desenvolver estratégias promocionais assertivas, como descontos e fretes grátis, que ajudam na conversão de vendas do seu e-commerce.

Adapte sua loja para a experiência mobile

O perfil do público que consome online vem mudando ao longo dos anos. De acordo com um levantamento chamado Panorama do Comércio Móvel no Brasil, realizado pela Mobile Time, em parceria com a Opinion Box, 85% dos brasileiros que possuem smartphone, realizam compras via mobile.

Pensando nisso, o site da sua loja virtual precisa ser completamente responsivo e adaptável para a versão mobile, para que a experiência de compra do consumidor seja exatamente a mesma, tanto no site quanto na versão para smartphones.

Com o site do seu e-commerce responsivo, o consumidor consegue realizar compras e navegar pelos diferentes ambientes virtuais sem perder a qualidade de visualização e operação.

Monitore a jornada do cliente

A jornada do cliente é fundamental para acompanhar e entender o comportamento do consumidor no seu e-commerce, pois é a partir dela que você conhece todo o caminho percorrido por ele no seu negócio, desde o primeiro acesso ao site até a conclusão da compra.

Dessa forma, é possível observar, de forma assertiva, qual é a percepção do público-alvo da sua marca, para então colocar em prática ações estratégicas para consolidar a venda, com base nos dados sobre o seu público-alvo.

Ofereça mais opções de meios de pagamento

Os meios de pagamento desempenham um papel determinante na decisão de compra. Isso porque a falta de opções que conversem com as quais o consumidor tenha acesso e também que caibam no seu bolso, podem fazer com que ele abandone o carrinho. Isso significa que, na hora do pagamento de uma compra, essa diversificação ganha uma relevância ainda maior.

No momento de fechar uma venda, o cliente espera encontrar uma variedade de opções para pagar sua compra e para se manter competitivo no mercado, é fundamental que sua empresa acompanhe as tendências dos meios de pagamento. 

Com a Juno, você conta com uma tecnologia financeira completa para o seu negócio, e oferece para os seus clientes não apenas o boleto bancário, como também o cartão de crédito, pagamentos recorrentes via API, e claro, o Pix do Banco Central!

Quer aumentar as vendas do seu marketplace?

Preencha o formulário abaixo e a nossa equipe entrará em contato!

Tipo de negócio
até 5/mês
até R$ 5 mil

Quer continuar essa conversa? Fale com a gente pelas nossas redes sociais @tamojuno 🤟